Diretor de teatro é condenado por crime sexual cometido em Guaxupé - Correio Sudoeste - De fato, o melhor Jornal | Guaxupé Mg

Guaxupé, 22 de abril de 2024


Publicidades

Diretor de teatro é condenado por crime sexual cometido em Guaxupé

Publicado terça, 02 de abril de 2024





Um diretor de teatro de 42 anos, natural do Rio Grande do Sul, foi denunciado pelo Promotor de Justiça, Dr. Thales Cerqueira e condenado pela Juíza da Vara Criminal de Guaxupé/MG, Dra. Cristiane Vieira Tavares Zampar, a quatro anos e quatro meses de reclusão, pelos crimes de Violação Sexual Mediante Fraude e Importunação Sexual, contra três adolescentes que participavam de um grupo de teatro local. A condenação é resultado da soma das penas aplicadas às condutas criminosas contra cada uma das vítimas.

O diretor de teatro frequentava Guaxupé de forma assídua, dirigindo peças e oferecendo oficinas teatrais para os adolescentes que faziam parte de um centro cultural da cidade.

Os crimes foram cometidos em duas festas realizadas na referida entidade, uma no réveillon do ano de 2019 e outra no dia 03 de outubro de 2020, contra dois menores e uma adolescente de 18 anos.

A condenação do réu pela juíza se deu após serem ouvidas várias testemunhas e analisadas inúmeras provas, reconhecendo os crimes praticados por ele e condenando-o à pena privativa de liberdade.

De acordo a vítima J.P.M. a angústia do tempo de espera para que fosse reconhecido o crime, somada ao sofrimento gerado pela suspeita levantada por muitos de que a denúncia seria infundada, amplificou a dor e o trauma de quem já tinha sido submetido à tamanha violência, numa fase da vida de tanta vulnerabilidade.

Essa vitória destaca a importância da Justiça na punição de crimes sexuais e reforça o compromisso com a aplicação da lei para garantir a segurança e a integridade das vítimas.

O réu poderá recorrer da sentença em liberdade.




Mais Justiça


Publicidades

Correio Sudoeste - Todos os Direitos Reservados - Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo sem autorização prévia

Desenvolvido por Paulo Cesar