Briga por poda de árvore quase acaba em tragédia em Monte Santo - Correio Sudoeste - De fato, o melhor Jornal | Guaxupé Mg

Guaxupé, 22 de abril de 2024


Publicidades

Briga por poda de árvore quase acaba em tragédia em Monte Santo

Publicado quinta, 29 de fevereiro de 2024





O fato aconteceu na tarde do dia 24, sábado, no bairro Coite, em Monte Santo de Minas.

A vítima, um tatuador de 29 anos, acionou a Polícia Militar por ter sido ameaçado por um auxiliar de lenhador, após uma discussão sobre a poda de uma árvores dias antes.

Enquanto a vítima trabalhava em seu estúdio, notou que o lenhador e mais um menor de idade estavam de ‘espreita’ atrás de um caminhão. Com um revólver, o lenhador deu um tiro para cima e entregou a arma ao menor, pedindo que ‘acertasse’ a vítima.

O menor fez um outro disparo para cima saiu atrás do tatuador, que se escondeu em um pasto.

A PM chegou no local e deu início ao rastreamento, tendo localizado o lenhador na rua e o menor em sua casa.

Com 14 anos, o menor confessou participação na ação e disse ter escondido a arma em um mato nos fundos de sua casa, entregando-a aos militares que verificaram ser uma Taurus calibre .32, e que havia sido efetuado três disparo.

O lenhador foi preso em flagrante e o menor com a arma apreendidos, sendo todos entregues na delegacia.




Mais Polícia


Publicidades

Correio Sudoeste - Todos os Direitos Reservados - Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo sem autorização prévia

Desenvolvido por Paulo Cesar