Tratorista salva vida em Alterosa - Correio Sudoeste - De fato, o melhor Jornal | Guaxupé Mg

Guaxupé, 21 de agosto de 2019


Publicidades

Tratorista salva vida em Alterosa

Publicado, domingo, 04 de agosto de 2019





O curso de Prevenção de Acidentes do Sistema Faemg/SenarMinas realizado em parceria com o Sindicato dos Produtores Rurais de Alterosa e Cooxupé, entre os dias 30 de julho e 02 de agosto, no Polo Universitário em Alterosa, foi marcado por mais uma experiência de salvamento de vida. O participante Daniel dos Santos, por massagem cardiorrespiratória, salvou a vida do senhor Vitor Ribeiro, 80 anos, portador de parkinson, que teve uma parada cardiorrespiratória em decorrência de interação medicamentosa.  

O curso do Senar tem o objetivo de preparar trabalhadores rurais para adotar práticas de socorro em situações de urgência e emergência. São abordadas técnicas sobre parada cardiorrespiratória em crianças e adultos, manobra de Heimlich, hemorragias, fraturas, infarto, AVC, entre outras.

Daniel, que é tratorista, vivenciou uma situação de emergência após quatro dias de capacitação. No dia primeiro de agosto, após o curso, em visita ao senhor Vitor Ribeiro, amigo da família, o mesmo sofreu repentinamente uma parada cardiorrespiratória em decorrência de interações medicamentosas. Mesmo nervoso diante do imprevisto, mas com todas as técnicas apreendidas, ele conseguiu verificar os sinais vitais e realizar a massagem, reanimar Ribeiro e leva-lo ao hospital. Segundo o médico que o atendeu, o trabalho de Daniel foi imprescindível para a vida de Ribeiro, que passa bem após o ocorrido.  

A enfermeira e instrutora do curso, Isabella Pimenta Bueno, destaca que o curso de Prevenção de Acidentes do Senar é extremamente importante e está salvando vidas em toda Minas Gerais. “Saber técnicas que podem salvar vidas é importante para toda população e essencial para os moradores e trabalhadores da zona rural, onde a chegada de recurso pode demorar um pouco mais. Ninguém está isento de enfrentar uma situação como a vivida por Daniel”. Ela ressalta que a situação é de stress e manter a calma é essencial para a realização dos procedimentos; foi o que Daniel conseguiu fazer mesmo surpreso e nervoso com o fato ocorrido. “Saber lidar com o emocional e manter a calma é essencial. O Daniel conseguiu acalmar a esposa do Ribeiro e realizar as manobras necessárias. Eu como profissional da saúde fico muito feliz e grata de ver o envolvimento dos participantes que estão aprendendo as técnicas e colocando- as em prática. Fico mais feliz ainda em proporcionar a outras pessoas esse conhecimento, o que é uma injeção de ânimo no nosso trabalho. Salvar vidas é uma gratidão que sentimos e não sabemos explicar”, concluiu.

 




Mais Regional


 Publicidades

Correio Sudoeste - Todos os Direitos Reservados - Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo sem autorização prévia

Desenvolvido por Paulo Cesar