Funcionário público rouba notebook para pagar programa com travesti - Correio Sudoeste - De fato, o melhor Jornal | Guaxupé Mg

Guaxupé, 01 de julho de 2022


Publicidades

Funcionário público rouba notebook para pagar programa com travesti

Publicado quinta, 05 de maio de 2022





Com o objetivo de assegurar o pagamento de um programa sexual com uma travesti, um funcionário público, de 45 anos, é suspeito de furtar um notebook do seu local de trabalho em Poços de Caldas.

O equipamento, já recuperado pela Polícia Civil nessa terça-feira (3/5), havia sido levado do Centro Pop – um local destinado ao atendimento de pessoas em situação de rua e mantido pela prefeitura do município.
Segundo a Polícia Civil mineira, o crime aconteceu durante a madrugada do último domingo (2/5), quando o homem, aproveitando-se do acesso facilitado ao local, teria entrado no espaço, por volta das 4h, e pegado o equipamento.
O objetivo era oferecer uma garantia de pagamento à travesti, já que ele, após a relação sexual, disse não dispor do valor de R$ 800 cobrados pelo programa. Os dois envolvidos foram ouvidos na delegacia do município nessa terça-feira (3/5).
O suspeito irá responder pelo crime de peculato, que se trata do desvio de patrimônio público por servidor público.
Em contato com a reportagem na tarde desta quarta-feira (4/5), a Secretaria de Promoção Social da Prefeitura de Poços de Caldas disse que o funcionário lotado no Centro Pop foi desligado ontem.

 

Correio Braziliense




Mais Regional


 Publicidades

Correio Sudoeste - Todos os Direitos Reservados - Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo sem autorização prévia

Desenvolvido por Paulo Cesar