“AS QUATRO ESTAÇÕES”, DE VIVALDI, EM GUARANÉSIA - Correio Sudoeste - De fato, o melhor Jornal | Guaxupé Mg

Guaxupé, 21 de maio de 2022


Publicidades

“AS QUATRO ESTAÇÕES”, DE VIVALDI, EM GUARANÉSIA

Publicado quarta, 01 de dezembro de 2021





Neste domingo, 5 de dezembro, a Orquestra de Câmara Vereda Cultural estará em Guaranésia com a Série de Concertos “As Quatro Estações”, de Antonio Vivaldi. A apresentação ocorrerá no Centro Cultural Fernandina Tavares Paes, às 20h, com entrada gratuita para o público.

Esta é a terceira edição da temporada de concertos da Orquestra, em cartaz desde 2018, onde diversas cidades do Leste Paulista receberam o espetáculo. Pela primeira vez, a Vereda Cultural traz essa atração em solo mineiro.

 A apresentação conta com 18 músicos de cidades como Águas da Prata, São João da Boa Vista, Poços de Caldas, Espírito Santo do Pinhal, Casa Branca, Tapiratiba, Mogi Guaçu, Itapira, Jaguariúna, Campinas e Rio Claro, com os instrumentos: violino, violoncelo, viola, contrabaixo e piano, com solo e direção artística do violinista Samuel Antunes.

 O solista iniciou seus estudos nos Estados Unidos. Aos 6 anos, começou a aprender piano e, aos 8, violino. No início da fase adulta, recebeu bolsa em música pela Alpine Artisan, na Universidade de Montana (EUA). Voltando ao Brasil, se especializou no método de ensino Suzuki, iniciando o trabalho como educador musical. Foi spalla da orquestra do Centro Universitário Unasp (Engenheiro Coelho) e participou como solista em outras orquestras. No ano passado, lançou um álbum solo de violino com a orquestra de St. Petersburg, com arranjos musicais de Samuel Krähenbühl, Matt Riley e participação especial do violoncelista Raiff Dantas Barreto. Desde 2016 integra a Orquestra de Câmara Vereda Cultural.

 Le quattro stagioni, ou em português “As Quatro Estações”, são quatro concertos para violino e orquestra do compositor italiano Antonio Vivaldi, compostos em 1723. É a obra mais conhecida do compositor e está entre as peças mais populares da música barroca.

 Ao contrário da maioria dos concertos de Vivaldi, esses quatro tinham um programa claro: vinham acompanhados por um soneto ilustrativo impresso na parte do primeiro violino, cada um sobre o tema da respectiva estação. Não se sabe a origem ou autoria desses poemas, mas especula-se que o próprio Vivaldi os tenha escrito.

 As apresentações contam com o patrocínio das empresas Valley e Curimbaba, através de Lei Federal de Incentivo à Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal.

 VEREDA CULTURAL – A Orquestra de Câmara Vereda Cultural tem como missão difundir a música instrumental em cidades do interior através de concertos gratuitos e acessíveis, preservando o legado de grandes compositores.

Desde 2015, a Orquestra é mantida pela Associação Vereda Cultural sem fins lucrativos, através de patrocínios, doações e desenvolvimento de projetos por leis de incentivo à cultura.

Qualquer pessoa ou empresa pode colaborar com a Associação, tornando-se um agente transformador pela cultura. Para mais informações, acesse as redes sociais da Vereda Cultural (Facebook e Instagram), o site www.vereda.org ou ainda no telefone (19) 98404-9412.




Mais Regional


 Publicidades

Correio Sudoeste - Todos os Direitos Reservados - Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo sem autorização prévia

Desenvolvido por Paulo Cesar