HOMENAGEM A DELZIO MUSARRA - Correio Sudoeste - De fato, o melhor Jornal | Guaxupé Mg

Guaxupé, 16 de agosto de 2022


Publicidades

HOMENAGEM A DELZIO MUSARRA

Publicado segunda, 29 de novembro de 2021





O falecimento do empresário Delzio Musarra, ocorrido na Santa Casa local, onde ele se encontrava em tratamento de saúde, nesta segunda-feira, 29 de novembro, consternou profundamente a sociedade guaxupeana.

Natural de Arceburgo, vinculou-se a Guaxupé por uma velha e consolidada amizade e pela sua admirável bondade, inscreveu-se entre os grandes benfeitores desta terra.

Ao longo de décadas foi distribuidor dos produtos Brahma, com depósito em Guaxupé, Arceburgo e Mococa.

A sua cooperação no progresso da cidade é das mais apreciáveis, pois à sua operosidade devemos a criação do antigo S.O.S-Serviço de Obras Sociais, instituição que prestava assistência principalmente aos jovens em condições de vulnerabilidade social. Também foi dele a instalação da hoje extinta “Guarda Mirim”, entidade que amparava jovens carentes integrando-os no mercado de trabalho, além de proporcionar-lhes assistência odontológica, social, bem como às respectivas famílias.

Ele foi um empresário que, muitas vezes, interpôs os interesses da instituição que presidia acima de seus negócios particulares.

Delzio Musarra nasceu em 15 de abril de 1932, filho de Paulo Musarra e de Dona Elvira Guidorizi Musarra; era casado com Dona Lucília de Carvalho Musarra e deixa os filhos: Fátima, José Geraldo, Delcília e Delzinho e muita saudade. Sua mãe, Dona Elvira, era irmã do saudoso Silvino Guidorizzi, empresário do ramo de vidraçaria.

Seu corpo foi velado no Velório Municipal, das 6 às 12h, sendo transladado para Arceburgo, onde foi sepultado.                         

À família enlutada as condolências do Jornal Correio Sudoeste.

 Antes do corpo ser transladado para a sua terra natal, o pesquisador e historiador, Wilson Ferraz, pronunciou as seguintes palavras:

 

Senhoras e senhores, permitam-me tecer a minha despedida ao amigo que hoje parte para a eternidade deixando-nos exemplos de uma vida virtuosa e de amor ao próximo, numa constante afirmação de trabalho e devotada ao bem da mocidade e da infância desvalida.

Hoje ele desaparece de entre os vivos, porém venerado pelo povo e com os mais indiscutíveis títulos de benemerência da cidade.

Sempre pensando em dar instrução, formação profissional aos adolescentes, enfrentou duras lutas e a todas venceu prestigiado por todos que reconheciam o seu ideal, uma inelutável vocação para o bem da juventude.

Sr. Delzio foi um homem que viveu de braços abertos e estendidos para abençoar e acolher, para ajudar e para amparar, com uma modéstia de homem justo e com a sinceridade de quem entendia a vida no amor de Deus e do próximo.

Ele verdadeiramente sempre comeu o pão repartido em dois pedaços, pois levava aos necessitados o que tinha e o que podia, porém sem alardes, mas com aquela convicção de que só bem enaltece o homem.

Aos casebres a que ia, aos pobres que amparava, às crianças que acariciava ele sempre levou uma palavra boa e de conforto.

Homem do lar, alongou uma tradição de honradez e de piedade cristã, que é o solário de sua família e, assim, soube dar a seus filhos aquela doçura do diálogo manso e bom com a voz que ressoava de seu coração amoroso, marcando atitudes amplas de bondade, de amor e de compreensão.

Poucos homens entre nós se tornaram tão dignos da benemerência pública como o Sr. Delzio. A sua popularidade, o respeito que sempre mereceu e a estima que conquistou em todas as classes sociais são consequências dos altos méritos que o tornaram uma figura exemplar.

A sua partida abre no coração dos seus dolorosa chaga e, no de seus amigos, uma dor imensa.

Descansa lutador, a sua alma repousa na região dos bons, enquanto aqui na terra ficam os seus amigos num preito de saudade e gratidão.

Seu corpo repousará em Arceburgo, porém seu coração generoso permanecerá sempre vivo na memória dos guaxupeanos.

 

Wilson Ferraz – 29-11-2021.  




Mais Falecimentos


 Publicidades

Correio Sudoeste - Todos os Direitos Reservados - Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo sem autorização prévia

Desenvolvido por Paulo Cesar