CAMINHONEIROS SÃO VÍTIMAS DE ASSALTANTES - Correio Sudoeste - De fato, o melhor Jornal | Guaxupé Mg

Guaxupé, 27 de setembro de 2021


Publicidades

CAMINHONEIROS SÃO VÍTIMAS DE ASSALTANTES

Publicado quinta, 15 de julho de 2021





Segunda-feira, dia 12, a Polícia Militar de Itamogi recebeu uma ligação de um motorista de caminhão que teria sido roubado e estaria na rodovia.

No local indicado os policiais encontraram caminhando pela rodovia Clarindo, 52 anos, motorista, residente em Hortolândia-SP e Ronaldo, 40 anos, mecânico, residente em Sumaré-SP.

O caminhoneiro Clarindo disse que estava dirigindo um VW/24.250 CNC 6X2, 2010, branco, com  onze motores elétricos rural e vários barris de iodo que seriam entregues em várias cidades de Minas Gerais.

Por volta das 15h, enquanto subia a serra de Monte Santo de Minas, o caminhão apresentou problemas e ele precisou estacionar.

Quando já era 18h30, enquanto aguardava a chegada do mecânico, Clarindo foi abordado por 3 homens encapuzados, um deles com um revólver e os outros dois com facas.

Os homens o ameaçavam de morte caso não colaborasse e o levaram para o meio de um cafezal. Um dos bandidos ficou com ele enquanto os outros dois foram até o caminhão e cortando o saider da lateral, roubaram 10 motores e os deixaram no meio do cafezal.

Nisso chegou o mecânico enviado pela empresa, Ronaldo, em um Fiat Uno preto, ano 2013. Ele também acabou sendo abordado pelos meliantes que o deixaram preso junto de Clarindo.

Aproveitando o Uno do mecânico, os assaltantes fugiram no veículo levando os motores. E as vítimas conseguiram sair do cafezal para pedir socorro.

Na terça-feira, dia 13, o proprietário da empresa, junto de Clarindo e de Ronaldo realizaram o conserto do caminhão e ao darem uma busca onde o assalto aconteceu,encontraram o Uno abandonado no meio do cafezal. O carro estava com os pneus rasgados.

A polícia continua no rastreamento dos autores. 

SEGUNDO ASSALTO

Na quarta-feira, a Polícia Militar de Guaranésia foi chamada na rodovia pelo motorista André, 36 anos, residente em Uberlândia.

O rapaz informou que saiu de Uberlândia com destino à Formiga com seu caminhão IVECOFIAT ano 98, branco, e um reboque carregado de óleo vegetal.

Na rodovia BR 452, próximo de Araxá, por volta das 22h30, uma Hillux preta passou por ele e o passageiro acenou indicando haver um problema no reboque.

André parou no acostamento quando encostou na traseira da carreta um carro com dois homens armados de pistolas e uma mulher loira. Eles perguntaram o que estava carregando e se havia rastreador.

O caminhoneiro foi vendado com um pano, entrou na cabine do caminhão, sentando na parte de trás junto da mulher que a toda hora o ameaçava.

Depois de um longo período, André foi transferido para um carro pequeno e deixado em um cômodo trancado, onde lhe deram pão e água. Novamente ele foi colocado no carro e depois de percorrerem quase uma hora, apenas ouviu: "você vai descer e vai caminhar, sem olhar para trás".

André caminhou como ordenado e encontrou um lavrador nas margens da rodovia, quando acionou a Polícia.

Os ladrões levaram seu aparelho celular, R$ 450,00, cartões bancários, documentos pessoais e documentos dos veículos.

A Polícia Militar de Araxá foi comunicada dos fatos para iniciarem rastreamento.




Mais Polícia


 Publicidades

Correio Sudoeste - Todos os Direitos Reservados - Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo sem autorização prévia

Desenvolvido por Paulo Cesar