PRORROGAÇÃO DA QUARENTENA EM GUAXUPÉ SEGUE ORIENTAÇÕES DA EQUIPE MÉDICA - Correio Sudoeste - De fato, o melhor Jornal | Guaxupé Mg

Guaxupé, 26 de maio de 2020


Publicidades

PRORROGAÇÃO DA QUARENTENA EM GUAXUPÉ SEGUE ORIENTAÇÕES DA EQUIPE MÉDICA

Publicado segunda, 20 de abril de 2020





A assessoria de comunicação da Prefeitura de Guaxupé divulgou na noite dessa segunda-feira, dia 20, a prorrogação da quarentena na cidade, seguindo orientações do Comitê Gestor do Plano de Prevenção ao Covid-19.

O entendimento do Comitê para estender até a quarta-feira (29) é de que o Estado e Governo Federal deverão nos próximos dias trazer orientações sobre flexibilização. Além disso, o Comitê seguiu recomendação do Ministério Público Estadual e Federal, bem como orientações da equipe médica que está na linha de frente, sendo os médicos Salma Gallate e Nilo Sérgio Vieira Costa.
Durante os próximos dias o Comitê continuará os estudos e análises das recomendações e orientações que estão sendo dirigidas ao Município pelas autoridades competentes.

O novo decreto recebeu alterações com a inclusão de algumas medidas nos meios de transporte e sobre a colheita. Abaixo um resumo de alguns itens principais:

-Para os serviços de Circular e Táxi, a lotação não poderá exceder a metade da sua capacidade de passageiros sentados;

-Os veículos deverão passar por uma minuciosa limpeza diária a cada turno; limpeza do ar-condicionado; manutenção de janelas para se manterem abertas;

-Obrigatório o uso de máscaras no transporte coletivo de passageiros e táxi;

-As empresas responsáveis pela prestação dos serviços de transporte deverão realizar marcações no piso interior do veículo para garantir o espaçamento mínimo e a capacidade máxima dos passageiros transportados em pé, observadas normas a serem editadas pela DIMUTRAN;

- A DIMUTRAN poderá instituir horário diferenciado para os serviços de transporte coletivo sob sua competência durante o estado de emergência, observadas as limitações de lotação de que trata este decreto.

 

PREVENÇÃO NA AGROSSILVICULTURA
Medidas de prevenção da transmissão de COVID-19 no campo, em atividades da agrossilvicultura (agricultura, pecuária e silvicultura), principalmente aquelas que necessitam da presença de mais de 10 (dez) trabalhadores também fazem parte do novo decreto que salienta a atenção da higiene pessoal, do local de trabalho, do meio de transporte, de materiais utilizados, entre outros.




Mais Cidade


 Publicidades

Correio Sudoeste - Todos os Direitos Reservados - Proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo sem autorização prévia

Desenvolvido por Paulo Cesar