Guaxupé, sábado, 25 de maio de 2019
Você está em: Notícias / Polícia / QUADRILHA FAZ REFÉNS DURANTE ASSALTO E FOGE COM DINHEIRO DO BANCO E ARMAS DOS VIGILANTES
quarta-feira, 21 de novembro de 2018

QUADRILHA FAZ REFÉNS DURANTE ASSALTO E FOGE COM DINHEIRO DO BANCO E ARMAS DOS VIGILANTES

foto ilustrativa
foto ilustrativa
A Polícia Civil de Guaxupé ainda continua investigando o assalto ao Banco Itaú que ocorreu na manhã de terça-feira, dia 20.
A ação dos assaltantes teve início na noite de segunda-feira quando o gerente do banco ouviu um barulho vindo do fundo de sua casa e ao verificar o que estava acontecendo foi surpreendido por dois indivíduos armados de revólveres.  Eles renderam o rapaz e sua família.

Em seguida mais dois ladrões, também armados, entraram na casa que fica no bairro Nova Floresta. O gerente ficou mantido como refém na sala e sua família em um dos quartos da residência. Os bandidos estavam encapuzados e faziam ameaça de morte o tempo todo, mas deixaram claro que a intenção era apenas pegar o dinheiro do banco. 

Seguindo a rotina do gerente bancário, por volta das 7 horas da manhã desta terça-feira dois ladrões foram com ele, em seu carro Ford Fiesta prata, até a agência do Banco Itaú, localizada na Avenida Conde Ribeiro do Valle, onde pelo celular um dos bandidos mostrava fotos e áudios da família do gerente que estava refém em casa com armas apontadas para suas cabeças.
Conforme os funcionários do banco chegavam ao local tinham seus celulares e armas, no caso dos  vigilantes, recolhidos e eram levados para uma sala e mantidos reféns.

Assim que deu o horário de abertura programada do cofre da agência o gerente foi obrigado a pegar o dinheiro e transferir para seu carro.

Já era 10h30 quando os bandidos fugiram levando além do dinheiro, três revólveres dos vigilantes de segurança e o carro.  Eles orientaram o gerente a chamar a polícia somente depois de uma hora sob a ameaça de matarem sua família que ainda estava sob poder de bandidos.

Antes das 11h, um dos vigilantes que trabalha na agência chegou para trabalhar e estranhou quando viu o local fechado e sem comunicação com seus colegas. Ele entrou em contato com um vigilante que verificou pela câmera de segurança a ocorrência do assalto no banco. 

Por sorte, um policial civil que passava pelo local foi acionado e uma equipe de agentes entrou na agência liberando os funcionários reféns juntamente com o gerente. 

Depois de intenso rastreamento pela cidade o carro do gerente foi localizado abandonado próximo do cemitério Alto da Colina. Os assaltantes que mantinham a família refém usaram uma moto que estava na casa para fugir. O veículo também já foi localizado pelos policiais. 

Detalhes físicos dos bandidos já estão sendo analisados para a possível identificação e o montante levado da agência não foi divulgado.

(Proibida a reprodução do texto, sem divulgação da fonte)

Comente, compartilhe!

© Copyright 2014 - Todos os direitos reservados