Guaxupé, terça-feira, 20 de novembro de 2018
Você está em: Notícias / Guaxupé Destaca / Marcelo Musarra : o guaxupeano que se tornou um megaempresário no ramo de distribuição
sábado, 21 de março de 2015

Marcelo Musarra : o guaxupeano que se tornou um megaempresário no ramo de distribuição

Marcelo Musarra e sua esposa Maria Antonia
Marcelo Musarra e sua esposa Maria Antonia
 
                                                                                                                                                                                Rosangela Felippe

O guaxupeano Marcelo Musarra, ciente de que é com as grandes lutas que se alcança as grandes vitórias, é hoje um empresário conceituado e dono de uma das maiores companhias nacionais de distribuição de produtos eletrônicos e confecções, a América Cargo Express, localizada em Barueri (S.P).

A empresa atua em todo o território brasileiro, chegando a 8.500 localidades. Sua frota de caminhões já atinge a meta de 250 veículos que não param um só dia de rodar por várias estradas estaduais e federais.

Além de ser um grande vitorioso no ramo empresarial, Marcelo Musarra é considerado como um fiel aliado daqueles que um dia o procuraram pedindo ajuda profissional. Segundo foi declarado por amigos, Marcelo ao longo da vida estendeu a mão e ajudou a muitos a se colocar no mercado de trabalho e abriu grandes portas a diversos guaxupeanos.

Nesta entrevista, Marcelo conta ao Guaxupé Destaca como tem sido a sua trajetória como empresário e como chegou ao sucesso profissional.
 
G/D – Como foi a sua trajetória de vida e como foi o seu encontro com Maria Antonia, sua esposa e maior parceira no trabalho?
M.M: Sou mineiro de Guaxupé, com formação em Administração de Empresas. Um dia, fui a trabalho para Camanducaia – MG, desenvolver um projeto de construção civil e lá eu conheci a minha atual esposa. Juntos, tivemos três filhos: Marcello Felipe, Anna Flávia e Analú. Temos também dois netos: Lorenzo e Bárbara.
 
G/D – Como é para um casal trabalhar e construir juntos?
M.M: É muito prazeroso trabalhar com a família. Unidos, conseguimos implementar responsabilidade, onde cada um tem suas metas e seus objetivos que se agregam para o desenvolvimento da companhia.
 
G/D – Como construíram a América Cargo Express?
 M.M: Em uma fase muito difícil de 2003, morando em Manaus – Amazonas, decidimos construir uma empresa sólida sem sócios, a  AMÉRICA CARGO, onde eu me tornei o presidente e minha esposa Maria Antonia, diretora financeira. Ao longo desses dez anos, trabalhando em média dezesseis horas por dia, visando o melhor serviço para os nossos clientes, sempre com comprometimento e responsabilidade nas atitudes, administramos 300 famílias com operação a nível Brasil, com investimento maciço em tecnologia e utilizando o mais moderno software de gerenciamento empresarial (TOTVS), rastreamento de frota (AUTOTRAC) com posicionamento em tempo real.
 
G/D – Você acredita que para um casal desenvolver uma empresa tão bem sucedida como a de vocês, além do amor que os une a aptidão profissional colaborou?
M.M: Sim, certamente. É muito importante que o casal tenha sempre em mente o conhecimento de suas funções. Nós dois dedicamos nossas vidas para construir uma empresa bem sucedida onde, na concorrência atual, os erros não devem existir e sim um alto grau de competência profissional e a capacidade de enxergar o futuro com decisões corretas e justas.
 
G/D – Fale um pouco sobre o histórico da América Cargo Express, sua posição do mercado, suas vantagens e os bons conceitos sobre a empresa.
M.M: A América Cargo veio para o mercado com o objetivo de transformar as grandes dificuldades da rotina do dia a dia em facilidades. Todo este trabalho desenvolvido, compactuamos com nosso RH, que identifica em cada função o perfil ideal para cada colaborador. Estamos nos transformando em um dos melhores operadores em armazenagem de carga e distribuição DOOR TO DOOR.
 
G/D – Como manter uma frota de 250 caminhões em perfeito estado? Como vocês manejam para que não ocorram acidentes e roubos de cargas?
M.M: Nossa frota é composta pelas melhores marcas de veículos no mercado nacional: Scania e Mercedes Benz. Temos um grande orgulho de nossos motoristas que, nos últimos 10 anos, não provocaram nenhum acidente. Temos reuniões periódicas com eles quando demonstramos a responsabilidade civil e criminal dos seus atos. A cada semestre, recebemos o certificado de acidente zero.
 
G/D – Quais são os clientes mais famosos da America Cargo?
M.M: A maioria dos nossos clientes é de multinacionais como:  Semp Toshiba, Panasonic, Philips, Aon, Dell, Coats Corrente, Multipack, Flora, entre outros.
 
G/D – Sobre os filhos. De que forma eles estão acompanhando e colaborando com o progresso da América Cargo?
M.M: Meus filhos também participam e fazem parte do conselho administrativo. Marcello Felipe é responsável pelas operações, Anna Flavia no contas a pagar e a Analú é farmacêutica e executa serviço para um laboratório multinacional.
 
G/D – Você e a Maria Antonia são de cidades pequenas e foram criados em lugares pacatos. Como é viver em grandes centros resistindo à saudade dos tempos em que moravam no interior?
M.M: A dinâmica do dia a dia nos trouxe aos grandes centros, onde a concorrência é muito forte e temos de colocar em prática toda experiência para se manter na vanguarda e no constante crescimento com a plena satisfação de nossos clientes. A vida no interior é muito boa, mas hoje é só para passeio.
 
G/D – Quais foram as maiores dificuldades que vocês encontraram como empresários e como as venceram?
M.M: Tivemos muitas dificuldades ao longo dos anos, principalmente com o excesso de tributos, capacitação de colaboradores, investimentos para gerar resultados e outros aspectos mais.
 
G/D – Se preciso fosse, você começaria tudo outra vez como empresários?
M.M:  Sim, a experiência e a vontade de construir novos desafios me faz estar sempre criando e, se preciso fosse, montando novas empresas com gestão dinâmica e funcional.
 
G/D – Se fosse hoje, com o setor econômico do país em fase não muito favorável à classe empresarial, você acredita que conseguiria desenvolver uma empresa do porte da América?
M.M: É muito difícil construir e desenvolver empresas no nosso país. Temos uma cadeia tributária muito elevada, poucos benefícios e muitos riscos, onde devemos ter muita cautela para tomar decisões.
 
G/D – Qual a importância da educação transmitida pela família para que o seu sucesso profissional se tornasse possível?
R: Eu tive uma ótima formação familiar, com muita união e aprendizado. Recebi exemplos dos meus queridos familiares, meus ilustres mestres que muito me ensinaram a progredir. Aprendi, também, com os meus eternos e grandes amigos com quem tenho o prazer de conviver até os dias de hoje.
 
G/D – Qual o seu conselho aos jovens que querem investir em um futuro promissor?
M.M: Meu conselho aos jovens é o de que a vida não oferece promessas e nem garantias, apenas possibilidades e oportunidades. A vida está cheia de desafios e se forem enfrentados de forma criativa se transformam em oportunidades. Todos devem ter seus sonhos, porém, focar no objetivo e conquistar seu espaço no mercado que exige muito trabalho, determinação e espírito de empreendedor. O mais importante é saber decidir o caminho correto a ser seguido.
Nossa empresa é pautada de bons profissionais, os quais participaram com opiniões, projetos participativos, o que garante o sucesso da empresa.
 
G/D – Os sonhos de empreendedor então se concretizaram, de fato?
M.M: Nossos sonhos se transformaram em realidade sim, mas por meio do trabalho e da vontade de fazer as coisas acontecerem.
 

Comente, compartilhe!

© Copyright 2014 - Todos os direitos reservados