Guaxupé, terça-feira, 23 de outubro de 2018
Você está em: Notícias / Falecimentos / Wilson Roberto de Avelino
terça-feira, 26 de junho de 2018

Wilson Roberto de Avelino

É com profundo sentimento de pesar que registramos o falecimento do contabilista e ex-presidente da Câmara Municipal de Guaxupé, Wilson Roberto de Avelino, 64 anos de idade, ocorrido na cidade de Barretos, onde se encontrava em tratamento de saúde, na última segunda-feira, 25.
 
Wilson Roberto de Avelino era natural de Guaxupé, nasceu em 14 de setembro de 1953, filho de Matias Avelino e de Tereza Avelino. Era casado com Eloisa Valente Avelino e deixa os filhos: Edwilson, Denywilson e Eduardo; as noras, Luciana, Ana Cecília e Flávia Marques; os netos, Luiz Eduardo, e Luiz Otávio e muita saudade.
 
Contador que foi, muito contribuiu para o progresso e o desenvolvimento da região prestando serviços para várias empresas. Porém o que mais se destacou na sua atividade profissional foi a sua assistência profissional realizando a instrução de processos administrativos previdenciários para pessoas de baixa renda que pretendiam aposentar ou conquistar o chamado “beneficio continuado” do INSS. Nos arquivos de seu escritório constam cópias de mais de dois mil processos administrativos que pleiteavam benefícios previdenciários, sendo que a quase totalidade dos serviços foram realizados de forma gratuita, sem nenhuma remuneração e por amor ao próximo.
 
Ele também foi um amante do futebol amador e gostava de atuar como goleiro.
 
Teve uma intensa participação na política local, com cinco mandatos de vereador, no período compreendido entre 1º de janeiro de 1983 e 31 de dezembro de 2004. Foi secretário da mesa administrativa da Câmara Municipal nos anos de 1985 e 1986 e presidente por três mandatos: de 1987 a 1988; de 1989 a 1990; de 1997 a 1998.
 
Homem de uma educação invejável, extremamente equilibrado e ponderado, soube conduzir com brilhantismo o espinhoso cargo de presidente do Legislativo.
 
Entre os anos de 1989 e 1992 Guaxupé passou por uma fase de grande progresso e desenvolvimento, porém isto só foi possível graças ao apoio decisivo dele na presidência da Câmara.
 
Entre os anos de 1997 e 2004 a política guaxupeana passou por uma fase turbulenta, porém a capacidade mediadora dele foi de fundamental importância para que a tranquilidade voltasse a reinar nos meios políticos, evitando que o caos se instaurasse.
 
Graças ao apoio Wilson como presidente da Câmara Municipal foi possível a implantação do transporte coletivo urbano; a criação dos postos de saúde municipais antes mesmo da municipalização da saúde, reduzindo drasticamente o índice de óbitos de crianças e de natimortos; a criação dos parques dos Municípios que proporcionaram mais de duas mil moradias para pessoas de baixa renda; a utilização dos imóveis de propriedade da extinta Companhia de Estradas de Ferro, que hoje abrigam vários departamentos municipais, evitando que a Prefeitura pague aluguel de imóveis para abrigar repartições públicas.
 
Porém a nota dominadora de Wilson Avelino foi a sua capacidade de doação, ele sim viveu para a caridade, jamais deixou de ajudar quem precisava com o muito do pouco que possuía ou com seus préstimos profissionais.
 
Com a sua morte Guaxupé perde um de seus filhos mais ilustres, sua família um pai e um avô amoroso e dedicado e, nós, um amigo leal e companheiro de todas as horas.  
 
Seu corpo foi transladado para Guaxupé e está sendo velado nas dependências da Câmara Municipal. O sepultamento será às 16h, no cemitério da Praça da Saudade.
 
À família enlutada as condolências do jornal Correio Sudoeste.
 
Wilson Ferraz
 

Comente, compartilhe!

© Copyright 2014 - Todos os direitos reservados