Guaxupé, terça-feira, 21 de novembro de 2017
Você está em: Acontece / Relembrando / “Tonico e Tinoco”, a dupla sertaneja que vendeu mais de 150 milhões de discos
sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

“Tonico e Tinoco”, a dupla sertaneja que vendeu mais de 150 milhões de discos

Tonico e Tinoco, durante a gravação de um programa especial na TV Cultura, no ano de 1973 / Arquivo GB Imagem
Tonico e Tinoco, durante a gravação de um programa especial na TV Cultura, no ano de 1973 / Arquivo GB Imagem
Formada por dois irmãos nascidos na região de Botucatu, interior de São Paulo, a dupla “Tonico e Tinoco” trabalhava no campo e foi influenciada pelos discos da série caipira do produtor Cornélio Pires. Na adolescência, compraram uma viola e passaram a cantar em serenatas, festas e bailes da região.

Em 1943, foram para São Paulo, onde participaram sem sucesso de programas de calouros no rádio. Só mais tarde, em um concurso promovido por Capitão Furtado na Rádio Difusora, ganharam o primeiro lugar, com a música “Adeus, Campina da Serra”.

Por sugestão do próprio Capitão Furtado, adotaram o nome artístico “Tonico e Tinoco”.

O primeiro disco veio em 1944, com o cateretê “Em Vez de Agradecer”. Os primeiros sucessos vieram com “Percorrendo o Meu Brasil”, “Cana Verde” e “Canoeiro”.

Os irmãos tornaram-se uma das duplas sertanejas mais populares e tradicionais do Brasil, participando de seis filmes e fazendo shows por todo o país.

O gosto pela música veio dos avós maternos Olegário e Izabel, que alegravam a colônia com suas canções, ao som de uma antiga sanfona. A primeira música que aprenderam foi “Tristeza do Jeca” em 1925. Em 15 de agosto de 1935 Tonico e Tinoco fizeram a primeira apresentação profissional. Cantaram na Festa de Aparecida de São Manuel, durante a qual milhares de pessoas de todo o Brasil visitam o segundo Santuário dedicado à Padroeira do Brasil.

Sem dúvida nenhuma “Tonico e Tinoco” foi a dupla sertaneja mais importante da história da música brasileira e a de maior referência. Em 60 anos de carreira eles realizaram quase mil gravações, divididas em 83 discos. Tonico e Tinoco venderam mais de 150 milhões de cópias, realizando cerca de 40 mil apresentações em toda a carreira.

Infelizmente a dupla se desfez em 1994, com a morte de Tonico. Tinoco morreu, em São Paulo, em 2012. O último show da dupla “Tonico e Tinoco” foi na cidade mato-grossense de Juína, no dia 7 de agosto de 1994.

Comente, compartilhe!

© Copyright 2014 - Todos os direitos reservados