Guaxupé, sábado, 18 de novembro de 2017
Você está em: Acontece / Dicas da Meíta / MUDANÇA SEM STRESS É POSSÍVEL? QUASE...
sexta-feira, 3 de junho de 2016

MUDANÇA SEM STRESS É POSSÍVEL? QUASE...

O primeiro passo é planejar com antecedência e organizar-se. Para isso vou dar algumas dicas:
1. Arrume um caderninho e deixe sempre com você. Tudo que achar importante vá anotando. Medidas dos cômodos, dos móveis, cortinas... O que precisa para o dia da mudança: caixas de papelão, empresa de mudança, plástico bolha, jornal, fita adesiva, um canetão... Alteração de endereço em bancos, empresas de água, luz e telefone... Estas anotações não tem ordem de prioridade. Só num segundo momento!

2. Comece a estabelecer as prioridades. Faça uma planilha e esteja pronta para executá-la. O importante é ser bem razoável neste momento.

3. Hora de começar a encaixotar. Faça um cômodo de cada vez. Primeiro o que não vai precisar usar até o dia da mudança. E aí você percebe que tem muita coisa que não usa há anos. Se não tiver valor sentimental ou monetário, desapegue! Se dó nem piedade! À medida que for encaixotando, marque com o canetão - roupas de cama, roupas de verão, talheres, panelas... E marque também para onde vai aquela caixa - quarto dos filhos, meu quarto, sala, cozinha.... É assim por diante! Outra dica é colocar letras indicando o que deve ser desencaixotado primeiro.

4. Ao encaixotar os sapatos, coloque em saquinhos transparentes. Facilita na hora de guardar e evita a mistura dos pares. Aqui em casa, tivemos todo o cuidado e um pé de um sapato novinho desapareceu! Como num passe de mágica. Estou com esperança de ainda encontrá-lo!

5. Se a empresa de mudança tiver cabideiro, facilita muito. Dos armários para os cabideiros e pronto. Se não, o bicho pega! Aí, a sugestão é pegar uma caixa maior e colocar as roupas dobradas com cabide e tudo. Chegou na casa nova é só pendurar! Separe roupas de verão, inverno, calças, roupas íntimas...

6. Objetos frágeis! Embrulhe um a um. Ao encaixotar, vá calçando com jornal amassado ou plástico bolha. Nunca coloque objetos pesados nesta caixa. E escreva com letras garrafais: MUITO FRÁGIL. E coloque setas indicando a posição da caixa. 

7. Quando chegar ao destino da mudança, peça para colocar as caixas nos cômodos devidos. Facilita muito! Se você tiver na casa nova um cômodo desocupado, é melhor colocar todas as caixas ali, bem separadinhas: quartos, sala, cozinha, banheiro.... Depois, vá desembalando aos poucos.

8. Hora desembalar! Nem tudo precisa ser feito no mesmo dia. Lembra das letras que colocou nas caixas quando encaixotou? Então, agora é só seguir a ordem: caixas A desembalar primeiro, caixas B depois e assim sucessivamente. 

9. Ah, coisas de geladeira e freezer dever ser tiradas na última hora e colocadas em caixas térmicas. Isto se a mudança for feita em só dia!

10. Pode ter certeza, que você vai demorar um tempão para acomodar as coisas de um modo que facilite a sua vida. Você põe em um lugar achando que ali é o melhor e com o passar dos dias percebe que não é funcional. Não perca a calma! Respire fundo e recomece.... No fim da certo!!!

Comente, compartilhe!

© Copyright 2014 - Todos os direitos reservados