Guaxupé, segunda-feira, 21 de maio de 2018
Você está em: Acontece / Beleza / Natal e Ano Novo sem gramas extras
sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Natal e Ano Novo sem gramas extras

Quando se fala em beleza é comum se pensar em cremes e tratamentos estéticos, mas os alimentos também fazem parte desse tema, principalmente agora que é tempo de festas, comilanças e “bebilanças”.

Tradicionalmente, nas refeições de Natal e Ano Novo os pratos são mais fartos, mais calóricos, no entanto, usando a cabeça ao invés da gula, é possível encher o prato e contar as calorias.

Entre os alimentos que tradicionalmente aparecem na mesa do Natal e Ano Novo estão às frutas secas e as castanhas que podem ser uma boa opção se você pretende usar a cabeça. As frutas secas e as castanhas contém vitaminas, minerais, compostos antioxidantes e são consideradas alimentos funcionais porque trazem benefícios ao organismo e ajudam a combater doenças. E mais, são ricas em fibras e assim auxiliam no controle do colesterol e ainda dão a sensação de saciedade. Apesar dos benefícios, é preciso não exagerar na dose porque também são calóricas.

Falando especificamente das castanhas, elas são ricas em gorduras mono e poli-insaturadas, consideradas melhores que as gorduras saturadas em quantidade, e possuem minerais essenciais ao corpo, como o magnésio e selênio; são associadas a ações antioxidante, auxílio no tratamento das doenças cardiovasculares, diabetes e pressão arterial, devido à sua composição.

Mas também atenção: como são ricas em gordura é preciso ficar alerta com o excesso.

O cardápio da ceia é sempre uma tentação para aqueles que buscam uma vida mais saudável. As tradicionais comidas natalinas costumam ser uma das mais gordurosas. Se você é a dona da festa, vale lembrar aqui o equilíbrio na hora de escolher o cardápio. Vão aqui algumas dicas. A primeira delas é preparar poucas opções, mas em quantidades suficientes para servir bem aos convidados.

Por exemplo, o bacalhau pode ser preparado como prato único acompanhado de saladas de folhas diversas. O chester e o lombo de porco também são boas opções; assados, eles podem aparecer na mesa com salada de grãos ou de folhas. Está faltando um carboidrato, pode ser massa ou arroz integrais! E ainda a batata e batata-doce fazem parte da lista do bem.

E as bebidas? Bom, os refrigerantes e sucos industrializados não são vilões, mas as opiniões dos especialistas em Nutrição recomendam que sejam evitados. Daí entra o vinho branco seco ou o vinho tinto como opções mais saudáveis.

É importante lembrar ainda que o segredo é não exagerar. Tudo que é consumido em excesso vai ser estocado pelo nosso organismo em forma de gordura. Sendo assim, a dica é comer quantidades pequenas. Não devemos esquecer de que é Natal e não podemos nos privar de tudo, o que podemos é consumir com moderação.

Um dos erros mais comuns é ficar sem comer o dia inteiro, na ilusão de que vai consumir menos calorias em alimentar-se apenas na ceia. Grande engano. Na prática o resultado disso é que vai se chegar à noite com muito mais fome e “devorar” os pratos. O ideal é durante o dia seguir a rotina normal de alimentação.

Entre aqueles que seguem à risca suas metas de controle de peso, há quem prefira fazer uma refeição leve antes de sair para as festas e assim garantir o consumo de menos calorias nas noitadas de Natal e Ano Novo. É tudo uma questão de equilíbrio.
 

Comente, compartilhe!

© Copyright 2014 - Todos os direitos reservados